Polícia Civil do Pará cumpre mandados de prisão preventiva por tráfico de drogas no interior

APREENSÕES REALIZADAS COM PRESA MARINES PEREIRA EM ABAETETUBA

 

A Polícia Civil do Pará registrou, nesta quarta-feira (13), a realização de seis prisões, entre flagrantes e prisões preventivas, de envolvidos em tráfico de drogas, no interior do Estado. As prisões foram realizadas nas cidades de Nova Ipixuna (sudeste paraense); em Abaetetuba (Baixo-Tocantins); Magalhães Barata (nordeste paraense), Portel e Melgaço no Marajó. Os presos são João Ferreira Montes, Marines da Silva Pereira, Luiz Ricardo Rodrigues Sena, Luiz de Souza Amaral, José Roberto Pacheco da Silva Filho e Junior Ferreira da Silva.

A prisão de João Ferreira Montes foi realizada por policiais civis, em Nova Ipixuna, após observarem movimento de pessoas suspeitas em frente a uma casa. Eles abordaram os suspeitos, entre eles, João Ferreira Montes, com quem foram encontradas quatro pedras de crack (droga derivada da cocaína) e uma quantia em dinheiro. João foi autuado por tráfico de entorpecentes.

Outra prisão foi realizada, em Abaetetuba, por policiais civis do município. Marines da Silva Pereira, de 24 anos, foi abordada em sua casa, onde foram apreendidos cerca de 2 quilos de maconha distribuídos em três tabletes e mais meio da droga, além de uma balança de precisão e apetrechos para a comercialização do entorpecente. Entre os objetos apreendidos, uma máscara de Carnaval suspeita de ser usada em crimes.  

No município de Magalhães Barata, região nordeste do Pará, as Polícias Civil e Militar deram cumprimento ao mandado de prisão preventiva de Luiz Ricardo Rodrigues Sena, conhecido por “Macarrão”, por tráfico de drogas. Em 16 de fevereiro deste ano, uma denúncia de violência doméstica levou policiais militares até a casa de Luiz Ricardo. No local, no entanto, a companheira do acusado alegou aos policiais que o acusado atuava como traficante de drogas. No local, 15 petecas de óxi de cocaína foram encontradas. Diante disso, foi solicitada a prisão preventiva do acusado por tráfico de drogas. A ordem de prisão foi decretada pela Justiça. 

No momento em que os policiais prenderam Luiz Ricardo em cumprimento ao mandado de prisão, encontraram na casa dele mais de três gramas de maconha e um pedaço de cigarro de maconha. Diante dos fatos, além da prisão preventiva, Luiz Ricardo foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Em Portel, a equipe da Polícia Civil em conjunto com a Polícia Militar prendeu em flagrante Luiz de Souza Amaral, conhecido por "Lulu". Na residência do acusado, foram apreendidas pedras de óxi de cocaína e maconha. "Lulu" é considerado traficante atuante no município e tem como comparsa seu irmão que está preso pelo mesmo crime.

APREENSÕES REALIZADAS EM MELGAÇOEm Melgaço, foram presos José Roberto Pacheco da Silva Filho, conhecido como Cris, e Junior Ferreira da Silva, em flagrante, por tráfico de drogas. Uma denúncia anônima levou a equipe policial a apurar informação de que dois homens estariam preparando drogas para venda em uma casa. Assim, os policiais civis e militares foram até a residência e encontraram dentro da residência dos acusados, quatro celulares, oito chips, um cartão de memória, dois relógios de pulso, 15 papelotes de maconha, 13 pedras de óxi, sacolas com plástico para embalar os entorpecentes e R$ 500 em dinheiro. Após as prisões e apreensões, os acusados foram conduzidos até a Delegacia para procedimentos cabíveis.