Polícia Civil prende em flagrante arrombador e cumpre mandado de prisão de autores de tentativa de homicídio em Abaetetuba

Objetos furtados de residência foram recuperados

 

Policiais civis da Superintendência Regional do Baixo Tocantins prenderam em flagrante, nesta segunda-feira, 4, em Abaetetuba, nordeste paraense, por furto mediante arrombamento, o acusado Maikon dos Santos Rodrigues. Ele foi flagrado após ter invadido a residência de uma policial civil na sede do município. Com ele, objetos saqueados da residência foram recuperados. Foi a terceira prisão realizada na cidade nos últimos dias. Na sexta-feira passada, os irmãos Zenildo Pantoja e Pantoja e José de Araújo Barbosa foram presos acusados de tentativa de homicídio.

Segundo a delegada Renata Gurgel, titular da Superintendência Regional do Baixo-Tocantins, a prisão de Maikon Rodrigues foi realizada logo após o arrombamento ocorrido na noite de ontem na residência. Do local, foram saqueadas peças de ouro, um tablet e aparelho de televisão. O autuado foi flagrado ainda de posse dos bens subtraídos na casa dele. Após ser preso, ele permanece recolhido à disposição da Justiça.

TENTATIVA DE HOMICÍDIO Os irmãos Zenildo Pantoja e Pantoja e José de Araújo Barbosa foram presos por ordem de prisão preventiva, em Abaetetuba. Os dois eram investigados pelo crime de tentativa de homicídio. Em julho deste ano, explica a delegada, os dois foram até a casa de Elielson Brabo Baía para tentar “acertar contas” com a vítima quanto a um suposto furto que este teria cometido.

No local, os dois efetuaram diversos disparos de arma de fogo que acertaram, porém, o irmão de Elielson, Elielton Brabo, que ficou lesionado. Em decorrências das investigações presididas pela delegada Aline Macedo, com apoio da Superintendência, as prisões dos acusados foram requeridas à Justiça e decretadas. Os presos agora estão recolhidos à disposição do Poder Judiciário.