Homem é preso em flagrante por armazenar conteúdo pornográfico infantil, em Tomé-Açu

 

Na manhã desta quarta-feira, 13, a Polícia Civil, por meio da Superintendência Regional do Guamá, deu cumprimento a dois mandados de busca e apreensão e prendeu um homem em flagrante pelo crime de armazenamento de vídeo com registro de cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente, durante a chamada Operação “Abuso Zero - Crianças Seguras”, no município de Tomé-Açu.
 
O Delegado Marcos André, à frente da operação, comenta sobre o caso e o trabalho realizado pela polícia: “O Ministério Público da cidade de Tomé-Açu já investigava o alvo. Após ser verificado os fortes indícios de que o alvo estaria realmente cometendo os crimes de abuso sexual contra crianças e adolescentes, foi requisitado à Polícia Civil de Tomé-Açu que desse andamento às investigações. De posse disso, a polícia representou judicialmente pelos mandados de busca e apreensão na casa e no trabalho do suspeito, que foram deferidos e, então, a Polícia Civil deflagrou a Operação “Abuso Zero - Crianças Seguras”, contou. 
 
Foram apreendidos dois aparelhos celulares e três dispositivos de armazenamento móvel, nos quais foram encontrados registros de cenas de sexo explícito com menores. Diante dos fatos, o suspeito foi preso em flagrante e ainda será investigado por crimes de estupro de vulnerável através de um inquérito policial.
 
O sujeito foi encaminhado à unidade policial onde foi flagranteado pelo crime previsto no Art. 241-B do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), pelo armazenamento de registro, em vídeo ou imagem, de sexo explícito ou conteúdo pornográfico envolvendo crianças ou adolescentes. O homem está à disposição da justiça.