Polícia Civil prende acusado de homicídio por motivo passional em Igarapé-Miri

 

As Polícias Civil e Militar prenderam, após denúncia anônima, Francisco Modesto do Nascimento, de apelido “Junior Gordo”, acusado da autoria de homicídio, em setembro do ano passado, por motivo passional. Ele foi preso, nesta quarta-feira, 21, quando estava no interior de um ônibus que seguiria de Igarapé-Miri, nordeste paraense, para Belém. A vítima do crime foi Thales Luís Lima Borges.

A prisão foi efetuada pela equipe formada pelo investigador Donato e escrivão Humberto, e pela guarnição da PM comandada pelo sargento Raiol e cabo Davi. As investigações mostraram que Thales Borges, a vítima, teria tido envolvimento amoroso com a atual companheira do acusado. O mandado de prisão foi decretado no mês de novembro passado.

Os policiais, após receber a denúncia, abordaram o coletivo, e encontraram o acusado sentado com uma mochila de viajante. A equipe policial conduziu o acusado até a Delegacia, para lhe dar ciência do mandado de prisão decretado pela Justiça de Igarapé-Miri. Francisco ficou recolhido para responder pelo crime de homicídio qualificado.