Polícia Civil prende homem em flagrante por estupro de vulnerável, em Belém

 

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada no Atendimento a Criança e ao Adolescente (Deaca/Santa Casa), prendeu um homem em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável, no bairro do Guamá, em Belém. 
 
O crime foi praticado contra uma criança de 3 anos, a qual relatou o ocorrido aos pais. Segundo os responsáveis da vítima, desde cedo a criança era orientada sobre cuidados com as partes íntimas, assim como contar aos pais caso alguém lhe tocasse de modo não permitido, orientação que possibilitou a denúncia imediata e prisão em flagrante do acusado. 
 
Após tomar conhecimento dos fatos, a família acionou a Polícia Militar (PM), que  conduziu o homem até  à unidade policial, onde foi lavrado o flagrante. Após todos os procedimentos, o autuado foi encaminhado ao sistema penal, tendo sua prisão em flagrante convertida em preventiva pelo Poder Judiciário, após representação da autoridade policial.
 
A titular da Deaca Santa Casa, delegada Maria Júlia Silva, destacou a importância que a orientação preventiva tem na proteção dos direitos da criança e do adolescente.  
 
"A criança sempre foi instruída pelos pais de que ninguém pode tocar suas partes íntimas e só a mãe podia lhe dar banho; então quando ocorreu algo que os pais sempre a orientavam que não podia ocorrer, ela imediatamente relatou, possibilitando a prisão em flagrante do autor do fato e evitando que crimes futuros ocorressem. É muito importante que os pais conversem com seus filhos e fortaleçam a confiança para que a criança vítima conte algo que ocorreu consigo", informou a delegada.